Soluções Financeiras

Como funciona a conta salário?

Como funciona a conta salário?
Tempo de Leitura: 3 minutos

Já falamos aqui no blog sobre como as instituições financeiras precisaram se reinventar para aproximar o relacionamento com o mercado. Seja com pessoas físicas ou jurídicas, um dos grandes desafios é oferecer produtos e serviços que façam sentido e, além disso, tenham bom custo-benefício. Uma das soluções que foi pensada e desenvolvida exatamente com estes objetivos é a conta salário.

Ela atende uma necessidade atual das empresas para realizar pagamento de salários e, do outro lado, oferece benefícios para os colaboradores. 

No entanto, muitas pessoas ainda não utilizam essa modalidade porque não compreendem seu funcionamento e, assim, têm dúvidas. Por isso, nós reunimos tudo que você precisa saber sobre a conta salário neste post: continue a leitura e saiba mais!

Conta salário: o que é?

De forma simples, a conta salário é uma modalidade oferecida pelos bancos e cooperativas que tem como principal finalidade o recebimento do pagamento do funcionário. Ela é similar à conta corrente, porém, já que geralmente é isenta de taxas, há algumas limitações de uso.

Fique atento: você pode ter uma conta corrente normal e receber seu salário nela, no entanto, isso não a configura como conta salário. É preciso fazer a abertura de conta direto nessa modalidade.

Entre as principais diferenças entre a conta corrente e a conta salário, estão:

  • A conta salário geralmente oferece somente cartão na modalidade de débito. A conta corrente, por sua vez, dá a opção para que você possa ativar as duas modalidades (débito e crédito);
  • A conta salário não oferece meios de pagamento como cheque e limite de cheque-especial;
  • As duas contas permitem transações básicas, como saques, transferências, saques e recarga de celular. Pode ser que essas transações sejam limitadas em quantidades durante o mês. 

E como a conta salário funciona?

O funcionamento dessa modalidade tem diferenças em todo processo, desde a abertura até a utilização. 

Antes de mais nada, é preciso saber que a conta salário só pode ser aberta pela empresa empregadora. No entanto, fique tranquilo: a titularidade é do colaborador.

Assim, mediante a apresentação de um documento disponibilizado pela empresa, juntamente com seus documentos pessoais e comprovante de residência, o funcionário já pode solicitar a abertura da sua conta. Isso acontece porque esse documento é o que registra que ele é um colaborador e, portanto, receberá sua remuneração.

Com a abertura de conta finalizada, é preciso informar à empresa os dados para que ela possa, de forma automatizada, fazer o depósito do salário mensalmente nesta conta.

A instituição financeira escolhida entregará o cartão de débito da conta para que o colaborador possa fazer as movimentações. Possivelmente, ele também terá acesso à conta via canais digitais, como internet banking e aplicativo.  

Dica: 6 dicas para fazer um bom uso do 13º salário

Vantagens e desvantagens da conta salário

Assim como qualquer outra modalidade, esse tipo de conta tem suas vantagens e desvantagens. Por isso, é importante conhecer bem seu funcionamento.

Entre as principais vantagens, podemos destacar a isenção de tarifas, a facilidade no processo de abertura da conta e a disponibilização de transações básicas que facilitam o dia a dia do colaborador. 

Outra vantagem bastante importante é a portabilidade de salário. Esse recurso consiste na transferência automática do valor que é depositado pela empresa na conta salário para outra conta corrente de mesmo nome do titular. Nesse formato, a conta salário fica como uma conta “transitória”. 

Dica: 5 dicas para você alcançar a independência financeira

O colaborador não é cobrado por esse serviço, devendo apenas informar à instituição financeira que deseja fazer a portabilidade. Vale também lembrar que a portabilidade pode ser feita tanto em contas do mesmo banco ou cooperativa, quanto de instituições distintas.

Por exemplo: se você tem uma conta salário em uma instituição financeira do mercado e é um associado Cresol, você pode solicitar a portabilidade para a sua conta na cooperativa. O valor é transferido automaticamente, no mesmo dia.

Esse tipo de conta também tem algumas desvantagens: a limitação do número de transações, assim como não é possível solicitar acesso a outras soluções financeiras da instituição, como crédito

A Cresol apoia o empreendedor

Tendo os princípios do cooperativismo como base de atuação, a Cresol é a parceira ideal de empreendedores e colaboradores com soluções financeiras completas e pensadas para facilitar a vida de todos.

Para a empresa, além da conta salário para o colaborador – que permite uma gestão da folha de pagamento automatizada, centralizada e ágil -, a Cresol também oferece aplicações, linhas de crédito, seguros, consórcios, cobrança bancária, entre outros.

Entre em contato com a agência mais próxima e saiba mais sobre como a Cresol pode ajudar sua empresa a fazer a gestão financeira de maneira descomplicada e do seu jeito.

Categorias: Soluções Financeiras