Cooperativismo

6 Passos para abrir seu próprio negócio

6 Passos para abrir seu próprio negócio
Tempo de Leitura: 2 minutos

Nesse cenário de pandemia, muitas pessoas estão se reinventando e dando o pontapé inicial para abrir seu próprio negócio. Todavia, abrir uma empresa, além de ser uma ferramenta para atravessar a crise, é uma forma de ter mais independência e trabalhar naquilo que sempre sonhou. Afinal, momentos como estes nos trazem muitas incertezas, mas também podem abrir grandes oportunidades.

A gente separou umas dicas que podem te ajudar.

Confere aí!

1. Tenha Foco

Para quem sonha empreender, não basta ter vontade, tem que ter foco. A insegurança é normal, mas aqui a frase “foi lá e fez” nunca fez tanto sentido. Com o propósito de te ajudar a manter o foco, separamos mais algumas dicas de ouro :

  • Inspire-se em outros empreendedores e empresas que você admira;
  • Goste de negócios e do ramo que escolheu;
  • Leia e estude muito sobre o assunto.

2. Conheça o mercado e tenha afinidade com o ramo

Antes de começar sua empresa, verifique se você realmente gosta do ramo que escolheu. 

Portanto, responda algumas perguntas: Tem afinidade com a área? Terá motivação com o seu negócio todos os dias? Isso será essencial para enfrentar as dificuldades e inseguranças do dia a dia. Pesquisas mostram que empreendedores multiplicam as chances de alcançar o sucesso quando investem no que já conhecem. Por isso, entender o setor, estar por dentro das tendências bem como seus pontos fracos é primordial.

Ah, com toda certeza, interagir com o seu público, nas mídias sociais, por exemplo, também é muito importante, principalmente nos primeiros meses.

3. Defina um investimento

Definir um investimento inicial é crucial para abrir seu próprio negócio, afinal, nem sempre o retorno acontece de imediato. Todavia, ter reservas financeiras garantem pagar as suas despesas e as do seu negócio sem ter que sacrificar nada a mais por isso.

Conte com a Cresol para alavancar o seu empreendimento. A gente possui uma linha de crédito especial para pessoa jurídica, com taxas e prazos exclusivos para você.

4. Hora de colocar suas ideias no papel

Bom, agora, ter disciplina é meio caminho andado. Então, quando falamos em abrir um negócio próprio é importante organizar tudo o que precisa ser feito. Organize e acompanhe as tarefas. Trace um roteiro com tudo o que precisa (local onde irá abrir seu negócio ou um especialista de loja on-line – caso seja necessário – por exemplo) e, no final terá um plano de negócios com clareza de como será o seu empreendimento real.

5. Resolva todas as burocracias

A parte mais “chata” de abrir um negócio são as questões burocráticas. Contudo, essa exige que você, empreendedor, tenha muita disciplina. Neste caso, um contador é uma boa pedida para auxiliar na documentação.

6. Um passo por vez

A gente sabe que a possibilidade de ter nosso próprio negócio é muito empolgante, mas não esqueça de dar um passo por vez. Dessa forma, controle a ansiedade e lembre-se: direcione seu esforço para crescer e evoluir sempre.

Categorias: Cooperativismo , Empreendedorismo