Cooperativas de Crédito

O que é e como funciona a cota capital

O que é e como funciona a cota capital
Tempo de Leitura: 3 minutos

Se preferir, ouça a narração deste artigo:

Quem ingressa em uma cooperativa financeira precisa adquirir a cota capital. Esse dinheiro garante a solidez da instituição, mas também traz benefícios para o próprio cooperado. Quer saber quais são eles? Então continue conosco, vamos explicar os detalhes a seguir.

O que é cota capital?

A cota capital é a participação do cooperado na sociedade cooperativa. Sim, porque toda pessoa que se associa a uma instituição desse tipo se torna um pouco dona do negócio. Desse modo, é necessário cumprir algumas obrigações para aproveitar as vantagens mais tarde.

No caso, estamos falando de investir um valor mínimo, também chamado de cota-parte. São os recursos de todos os cooperados que, somados, proporcionam a sustentabilidade financeira das operações.

Portanto, quando você decide ingressar numa cooperativa de crédito, tem que adquirir pelo menos uma cota capital. Porém, não há limite de valores. Assim, quanto mais cotas-partes alguém tiver, maior será sua participação econômica na sociedade – o que pode render um retorno proporcional a esse investimento.

Dica: O que é e como funciona uma cooperativa de crédito

Como funciona a conta capital

Os valores referentes à cota-parte ficam depositados numa conta específica: a conta capital. Ela se difere um pouco da conta corrente, pois segue outras regras.

Por exemplo, há restrições quanto à movimentação do dinheiro. Ou seja: talvez não dê para resgatar a quantia na hora que você quiser. (Vale lembrar que cada cooperativa define, em estatuto, as condições para o saque.)

Essas medidas são importantes para “segurar” o dinheiro na instituição. Afinal, a grana será usada para bancar os custos do negócio.

Por outro lado, o investimento inicial traz ganhos pessoais no longo prazo. Isso porque a cota capital rende juros. Dessa forma, à medida que o tempo passa, o seu patrimônio financeiro vai crescendo.

Outro ponto positivo é a partilha das sobras do exercício. Como as sociedades cooperativas não visam ao lucro, todo dinheiro que sobra ao fim de um ano deve ser repartido entre os cooperados. Essa distribuição é feita conforme o número de cotas-partes que cada pessoa tem. Logo, quem adquiriu mais cotas capitais recebe uma soma mais alta.

Leia também: Os impactos do cooperativismo financeiro no Brasil

Quais são as vantagens da cota capital?

Agora que explicamos o conceito de cota capital e qual é a sua importância para a cooperativa, falta listar os benefícios que ela traz aos cooperados. Na lista abaixo, reunimos essas informações para você. Confira:

Acesso a crédito

A cota-parte funciona como uma espécie de garantia. Basta seguir a lógica: se o cooperado investiu esse dinheiro na cooperativa, é porque tem condições para honrar os compromissos financeiros. Como resultado, a pessoa conquista acesso a todos os serviços de crédito disponibilizados pela instituição, inclusive empréstimos e financiamentos.

Juros baixos

Cooperativas de crédito, por serem organizações que não visam ao lucro, obtêm isenção de alguns impostos. Com isso, elas conseguem praticar taxas de juros mais baixas. Essa é uma ótima alternativa para quem precisa de um adiantamento, mas não encontra opções viáveis no restante do sistema financeiro.

Capitalização

Como dito anteriormente, o detentor de uma cota-parte recebe as sobras do exercício nos anos de superávit. Desse modo, quanto mais cotas você tiver, maior será o incremento no seu patrimônio. Ao mesmo tempo, o capital investido na cooperativa a torna mais forte, gerando melhores resultados para todos os envolvidos no negócio.

Poder decisório

Ao adquirir sua cota-parte numa cooperativa financeira, você ainda assegura o direito de participar das assembleias. Esses encontros são a oportunidade para cada cooperado exercer o poder de voto nas decisões administrativas da instituição. A ideia é manter uma gestão transparente e democrática, que leve em conta os interesses coletivos, e não apenas as vontades de um chefe.

No sistema cooperativista, qualquer participante é cliente e dono. Por isso, vence o que for melhor para todo mundo.

Dica: Por que participar das assembleias de sua cooperativa?

Conte com a conta capital da Cresol

banner cota capital cresol

E então, gostou do artigo de hoje? Esperamos que o conteúdo tenha ajudado você a entender melhor a importância da cota-parte numa cooperativa de crédito.

Nós, da Cresol, temos orgulho de dizer que somos uma das principais instituições financeiras cooperativas do país. Quem se junta ao nosso sistema tem acesso a diversos serviços, como seguros, investimentos e consórcios. Tudo, é claro, com condições facilitadas para realizar sonhos e tornar o futuro mais próspero.

Vem junto! Conheça a conta capital Cresol e veja como é simples se tornar um cooperado.

E, já que você chegou até aqui, aproveite para continuar acompanhando as novidades do nosso blog. Temos posts com dicas sobre empreendedorismo, controle de gastos, educação financeira para a família e muito mais. Boa leitura e até breve!

Categorias: Cooperativas de Crédito , Cooperativismo