Educação Financeira

Três aspectos para avaliar antes de fazer um empréstimo

Três aspectos para avaliar antes de fazer um empréstimo
Tempo de Leitura: 2 minutos

São diversos os motivos que levam as pessoas a fazerem empréstimos, entre eles, dificuldades financeiras, necessidade de aquisição de um novo bem, o sonho da casa própria, entre outros.

Independente do motivo que iniciou a busca por esse serviço, elencamos três dicas que sempre podem ser levadas em consideração na hora de fazer um bom negócio.

Confira!

1. Um bom negócio é aquele que cabe no seu bolso

É muito importante encontrar um financiamento justo e acessível. Em geral, isso pode significar muitas coisas, mas, é preciso aplicar essas características ao seu planejamento financeiro. Encontre uma parcela que cabe no seu bolso, sem comprometer as despesas básicas e com uma taxa de juros justa e atrativa.

Esses cuidados são importantes, primeiro, para fugir de uma carga de juros abusiva e, em segundo lugar, para garantir que você consiga pagar as parcelas em dia e não acumule dívidas.

2. Quão bem você conhece essa instituição financeira?

Quão bem você conhece a instituição financeira com quem está pensando em fazer negócio? Ela é confiável? Qual sua reputação no mercado? Você conhece alguém de confiança que já fez negócio com essa instituição? O que essa pessoa tem a dizer?

Enquanto Cooperativa, nós acreditamos que nosso papel vai além de garantir bons negócios com taxas de juros atrativas. Estamos igualmente preocupados com a educação financeira, as condições de vida e de renda dos nossos associados.

Por isso, praticamos o crédito solidário orientado, que consiste em entender exatamente o que você precisa antes de te oferecer qualquer tipo de solução.

3. Sentir-se seguro faz parte do pacote

Por vezes carregamos o estereótipo de que transações financeiras são complicadas e desconfortáveis, mas, não deveria ser assim. É importante que, na hora de escolher em qual instituição financiar, você opte por uma com atendimento prestativo, com o qual consiga conversar tranquilamente e colocar todas as suas dúvidas na mesa.

Também é importante levar em consideração as vendas dos chamados pacotes de serviços. Alguns modelos de empréstimo, obrigatoriamente, vêm acompanhados de seguros que chamamos de prestamista e, como já falamos em outo artigo (O que é Score Financeiro e como ele influencia minha vida?), seu relacionamento com a instituição e seu histórico financeiro podem influenciar nas taxas e modelos de financiamento propostos.

Mas, independentemente de qualquer coisa, é obrigação da instituição financeira informar e sanar todas as suas dúvidas sobre o empréstimo e suas particularidades. Por isso, se você não está confortável com o pacote de serviços oferecido, converse, tire suas dúvidas e só bata o martelo quando estiver 100% seguro do que está contratando.

De 20 de maio a 19 de junho, a Cresol Central promove o Mês da Educação Financeira, 30 dias para quebrar o tabu de falar sobre o dinheiro e suas consequências.

Vamos rever nossos conceitos e dialogar sobre qual a melhor forma de usar nossos recursos?

Para a elaboração desse texto, a equipe de Comunicação e Marketing contou com o apoio dos colegas Viviane Paninson e Eduardo Rissoto.

Categorias: Educação Financeira